• General Search
  • Companies
  • Blogs
processing

Resultados

sp_372
O Paúl alberga uma variada população de aves (é uma importante zona de passagem outonal para migradores passeriformes e de nidificação de aves de caniçal) e de mamíferos.
Ver Mais
sp_461
O jardim é um lugar soalheiro, que proporciona às crianças um espaço de lazer e de convívio.
Ver Mais
sp_417
Inaugurado em 1889, só seria concluído em 1928, após remodelação projetada pelo horticultor paisagista Jacinto Matos.
Ver Mais
jm08024065-230x137
Foi lugar inspirador dos poetas José Régio, António Nobre e Eugénio de Castro. Hoje, constitui um miradouro, de onde parte da cidade pode ser contemplada.
Ver Mais
jm08024055-230x137
Inaugurado em Dezembro de 2001, constitui um lugar de lazer, convívio e prática desportiva. Dispõe de um circuito pedonal e de um parque infantil.
Ver Mais
SP_086
A Quinta das Lágrimas deve o seu nome às desventuras do romance entre a dama Inês de Castro e o príncipe D. Pedro. A romântica tragédia coloca neste local a morte da bela Inês.
Ver Mais
SP_044
Popularmente conhecido como "Jardim da Sereia", estava integrado na cerca do Mosteiro de Santa Cruz e data do séc. XVIII.
Ver Mais
sp_186
O Jardim fazia parte integrante da Faculdade de Filosofia Natural e foi criado durante a Reforma Pombalina da Universidade de Coimbra, no ano de 1773.
Ver Mais
sp_202
Lugar mítico da lenda coimbrã, da Lapa dos Esteios é possível apreciar uma paisagem única do rio e da cidade.
Ver Mais
SP_050
Antigamente situava-se no centro de um dos três claustros do Mosteiro de Santa Cruz. No entanto, a lenda diz que o nome se deve ao facto de D. João III ter traçado o seu desenho na manga do seu gibão (vestidura antiga).
Ver Mais
SP_029
Também conhecido por "Parque da Cidade", foi concebido na década de vinte do séc. XX, com projeto do paisagista Jacinto de Matos.
Ver Mais
SP_036
Promontório rochoso, hoje ajardinado, cujo nome advém da tradição, segundo a qual D. Pedro ia frequentemente ao local, então conhecido por Pedra dos Ventos, chorar a perda da sua saudosa Inês.
Ver Mais
jm08017006-230x137
No século XVI era designada por "Mata do Rei". Pertencia à Coroa Real Portuguesa e era povoada por vegetação espontânea.
Ver Mais
SP_027
Imortalizada nos poemas e no fado de Coimbra, esta Mata é, desde há longos anos, um local de eleição para as mais diversas atividades lúdicas e desportivas.
Ver Mais
43
Inaugurado em Julho de 2004, o Parque Verde do Mondego é um projecto da autoria do Arquitecto Camilo Cortesão, enquadrado no programa Polis Coimbra, que abrange as duas margens do Rio Mondego.
Ver Mais